Adolfo Molina Neto

44ª Mostra SP | Crítica: “Nova Ordem”

Inseridos em uma regra cultural conservadora, temos uma tendência a classificar determinados filmes como “polêmicos” por conta do uso de…

Olhar de Cinema 2020 | Crítica: “Vento Seco”

A forma de confrontar o monótono e o subemprego, instaurar um senso anárquico-socialista dentro do horário de trabalho ou até…

44ª Mostra de Cinema de São Paulo | Crítica: “Mães de Verdade”

Naomi Kawase é uma das principais cineastas do novo milênio, por conseguir entender as sutilezas que esse mundo novo propicia.…

Olhar de Cinema 2020 | Crítica: “Canto dos Ossos”

Ao vencer a “Mostra Aurora” da Mostra Tiradentes 2020, no começo do ano, o longa-metragem cearense Canto dos Ossos, de…

Olhar de Cinema 2020 | Crítica: “Nardjes A.”

Karim Ainouz (A Vida Invisível, Madame Satã) possui descendência franco-argelina. Cineasta nascido no Brasil, voou até a Argélia em fevereiro…

Olhar de Cinema 2020 | Crítica: “Para Onde Voam as Feiticeiras”

Assim em “Era o Hotel Cambridge”, as irmãs Carla e Eliane Caffé, junto de Beto Amaral, constroem um motivo em…

Mostra Tiradentes SP 2020 | Crítica: Cabeça de Nêgo

Os episódios de reivindicações secundaristas, de estudantes que denunciam os sucateamentos e descaso das esferas municipais e governamentais com o…

Mostra Tiradentes SP 2020 | Crítica: Ontem Havia Coisas Estranhas no Céu

Em um contexto de reconfigurar a realidade como uma chave narrativa, “Ontem Havia Coisas Estranhas no Céu” inspeciona sua própria…

Festival de Gramado 2020 | Crítica: “Um Animal Amarelo”

Um rito de passagem em “Um Animal Amarelo”, de mesma língua-mãe, mas de identidades distintas, é a narração épica deste…

Festival de Gramado 2020 | Crítica: “Todos os Mortos”

Em “Todos os Mortos”, da bandeja de prata, secular ao colonialismo que serve às famílias brancas de classe dominante, verborrágica…