Oscar 2021: Chloé Zhao se torna a segunda mulher a vencer o Oscar de Melhor Direção; confira os vencedores

Oscar 2021: Chloé Zhao se torna a segunda mulher a vencer o Oscar de Melhor Direção; confira os vencedores

A cerimônia do Oscar aconteceu no último domingo, dia 25, às 21h. Dirigido por “Cholé Zhao“, “Nomadland” foi o vencedor da principal categoria, Melhor Filme. O prêmio de melhor diretor também ficou para Cholé Zhao, sendo assim, ela se torna a segunda mulher a vencer na categoria dentro de 93 edições do Oscar. O veterano Antony Hopkins venceu o prêmio de melhor ator devido seu papel em “Meu Pai“. Já Frances McDormand venceu como melhor atriz por “Nomadland“.

Nesse ano, por conta da pandemia do covid-19, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dividiu a premiação com três sedes: Los Angeles, Paris, e Londres. Foi possível assistir a cerimonia nos canais TNT, TNT Séries e TNT Go; A TV Globo transmitiu a cerimônia um pouco mais tarde, às 23h35. Logo abaixo, marcados em negrito, você pode conferir a lista completa dos vencedores da 93ª edição do Oscar.


Melhor Filme

“Meu Pai”
“Judas e o Messias Negro”
“Mank”
“Minari”
Nomadland
“Bela Vingança”
“O Som do Silêncio”
“Os 7 de Chicago”


Melhor Ator

Chadwick Boseman – “A Voz Suprema do Blues”
Anthony Hopkins – “Meu Pai”
Riz Ahmed – “O Som do Metal”
Steven Yeun – “Minari”
Gary Oldman – “Mank”


Melhor Atriz

Frances McDormand – “Nomadland”
Viola Davis – “A Voz Suprema do Blues”
Vanessa Kirby – “Pieces of a Woman”
Andra Day – “Estados Unidos vs Billie Holiday”
Carey Mulligan – “Bela Vingança”


Melhor Diretor

Chloé Zhao – “Nomadland”
Lee Isaac Chung – “Minari”
Emerald Fennell – “Bela Vingança”
David Fincher – “Mank”
Thomas Vinterberg – “Another Round”


Melhor Ator Coadjuvante

Sacha Baron Cohen, – “Os 7 de Chicago”
Leslie Odom, Jr. – “Uma Noite em Miami”
Daniel Kaluuya – “Judas e o Messias Negro”
Paul Raci – “O Som do Metal”
Lakeith Stanfield – “Judas e o Messias Negro”


Melhor Atriz Coadjuvante

Yuh-Jung Youn – “Minari”
Olivia Colman – “Meu Pai”
Maria Bakalova – “Borat: Fita de Cinema Seguinte”
Amanda Seyfried – “Mank”
Glenn Close – “Era uma Vez um Sonho”


Melhor Roteiro Adaptado

Chloé Zhao – “Nomadland”
Kemp Powers – “Uma Noite em Miami”
Christopher Hampton e Florian Zeller –  “Meu Pai”
Sacha Baron Cohen, Anthony Hines, Dan Swimer, Peter Bayhman, Erica Rivinoja, Dan Mazer, Jena Friedman e Lee Kern –  Borat
Ramin Bohrani – “Tigre Branco”


Melhor Roteiro Original

Lee Isaac Chung, por Minari
Aaron Sorkin, por Os 7 de Chicago
Will Berson, Shaka King, Keith Lucas e Kenny Lucas por Judas e o Messias Negro
Emerald Fennell, por Bela Vingança
Abraham Marder, Darius Marder e Derek Cianfrance, por O Som do Silêncio


Melhor Filme Internacional

“The Man Who Sold His Skin” – Tunísia
“Collective” – Romênia
“Better Days” – Hong Kong
“Another Round” – Dinamarca
“Quo Vadis, Aida?” – Bósnia e Herzegovina


Melhor Fotografia

“Nomadland”
“Mank”
“Relatos do Mundo”
“Os 7 de Chicago”
“Judas e o Messias Negro”


Melhor Documentário

“Collective”
“Time”
“My Octopus Teacher”
“The Mole Agent”
“Crip Camp”


Melhor Documentário em Curta-Metragem

“Colette”
“A Love Song for Latasha”
“Hunger Ward”
“Do Not Split”
“A Concerto Is a Conversation”


Melhor Curta-Metragem

“Feeling Through”
“The Letter Room”
“The Present”
“Two Distant Strangers”
“White Eye”


Melhor Animação

“Soul”
“Wolfwalkers”
“Onward”
“Shaun, o Carneiro, o Filme: A Fazenda Contra-Ataca”
“A Caminho da Lua”


Melhor Curta de Animação

“Burrow”
“Genius Loci”
“If Anything Happens I Love You”
“Opera”
“Yes-People”


Melhor Canção Original

Husavik (Eurovision Song Contest: The Story of Fire Saga)
Hear My Voice (Os Sete de Chicago)
Speak Now (Uma Noite em Miami)
lo Sì (Seen) (Rosa e Momo)
Fight For You (Judas e o Messias Negro)


Melhor Trilha Sonora Original

“Soul”
“Relatos do Mundo”
“Minari”
“Da 5 Bloods”
“Mank”


Melhor Edição

“O Som do Silêncio”
“Os 7 de Chicago”
“Bela Vingança”
“Nomadland”
“Meu Pai”


Melhor Figurino

“A Voz Suprema do Blues”
“Emma”
“Mulan”
“Mank”
“Pinocchio”


Melhor Cabelo e Maquiagem

“Emma”
“Era Uma Vez um Sonho”
“O Voz Suprema do Blues”
“Mank”
“Pinocchio”


Melhor Edição de Som

“O Som do Silêncio”
“Relatos do Mundo”
“Mank”
“Greyhound: na Mira do Inimigo”
“Soul”


Melhor Design de Produção

“Mank”
“Relatos do Mundo”
“Tenet”
“A Voz Sumprema do Blues”
“Meu Pai”


Melhores Efeitos Visuais

“Love and Monsters”
“O Céu da Meia-Noite”
“Mulan”
“The One and Only Ivan”
“Tenet”

ARTIGOS RELACIONADOS